quinta-feira, 10 de abril de 2008

Simpsons censurados na Venezuela?


"O Governo de Hugo Chávez proibiu a série norte-americana Os Simpsons, emitida no canal privado Televen, por considerar que esta ficção é "uma má influência" para todos os jovens." Diário de Notícias

"A Venezuela ‘tirou do ar’ Os Simpsons e chamou a atenção para a má influência que os desenhos animados amarelos podem ter nas crianças.
" Sol

"Los niños venezolanos ya no podrán ver Los Simpson. El gobierno de Chávez ha obligado a cambiar a Televen, un canal privado de televisión, el horario de la mítica serie protagonizada por Homer, Marge, Bart, Lisa y Maggie. La razón, es "una mala influencia" para los menores." El País

"Imaginemos que o departamento de protecção audiovisual para a infância do México ou do Peru requeria a uma televisão do seu país a mudança de horário da série Simpsons por não considerar adequada a sua emissão durante o horário infantil. Alguém imaginaria meia centena de capas de jornais [...] do tipo "Mexicanos não vão poder ver os Simpsons", "México proibe a emissão dos Simpsons" ou "Calderón [presidente mexicano] não gosta dos Simpsons"? Evidentemente, é difícil imaginar que dezenas de jornais possam fazer capa de uma notícia destas. Contudo, como isto se passa na Venezuela, a coisa muda de figura."

"O que aconteceu na Venezuela foi que o organismo regulador denominado Conselho de Telecomunicações, depois de receber várias queixas, determinou que, segundo a Lei de Responsabilidade Social na Rádio e Televisão que proíbe as "mensagens que atentam contra a formação integral das crianças e adolescentes", a série Simpsons devia abandonar o horário infantil no qual se emitia através da cadeia de televisão Televen. Portanto, todas as manchetes anteriores são falsas: não se proibe, não se impede a sua emissão (só se muda o horário), não se veta, os venezuelanos continuarão a vê-la, nem sequer se impede as crianças (que poderão faze-lo fora do horário infantil). Não sabemos Chávez gosta ou não [da série], o presidente [venezuelano] não ataca nenhuns desenhos animados nem os estrangula...A única censura que sofreram os Simpsons foir do seu próprio canal norte-americano, a Fox, que censurou num capítulo a frase "This sure is a lot like Irak will be", que poderia traduzir-se como "Isto parece-se muito com o Iraque". Faziam referência à imagem devastada de Springfield, a cidade dos Simpsons, que teria sido atacada por marcianos numa guerra em que a desculpa fora as armas de "desintegração" maciça."

Este excerto do artigo de Pascual Serrano que podemos encontrar no sítio Rebelión destapa bem os ridículos ataques que se tentam travar contra o governo venezuelano. Através da mentira e da manipulação, os jornais, entre os quais portugueses, tentam, novamente, conduzir a opinião mundial contra Hugo Chávez.

3 comentários:

l&&f disse...

Excelente análise.
O processo bolivariano em curso é constantemente acossado, principalmente pelas cadeias de (des)Informação do grande Capital..

pedras contra canhões disse...

eu, se pudesse, censurava já este belogue por dizer tantas verda(piiiip)

Pedro Bala disse...

Se eles pudessem, já estava censurado. Bem, talvez não usassem a censura mas o exame prévio...